Arquivo da tag: renato ratier

vódega festival

Se beber não dirija. Aproveita que a Smirnoff vai pagar o táxi pra casa e se joga na festa da vódega! O Brasil trocou sua nigthlife com a Austrália no projeto de trocas de baladas entre diversos países que a vodca promove hoje (27/11). [Ouça “Around the World”, Daft Punk.] Ontem dei uma zapeada pra ver quais brasileiros vão se apresentar em Sydney, fiquei surpreso e decepcionado que apenas o Bonde do Rolê foi escalado para mostrar aos australianos as delícias da noite paulistana. São Paulo tem centenas de DJs e nenhum vai enfrentar 24h de viagem até Sydney pra sambar e beber caipirinha com os cangurus…

Em compensação, já estão na cidade se deliciando com caipiroskas, vindos da Oceania: Muscles, Bag Raiders, Van She e Tim Poulton. Todos tocam no mesmo palco, numa sequência que inclui ainda Renato Ratier, Coy Freitas e Galaxy IV (Database+Roots Rock Revolution) e o norte-americano Golden Filter. Em outro palco tem os excelentes Holy Ghost! (EUA) e Superpitcher (Alemanha), e ainda Culoe de Song (África do Sul) e Kubba Step (Brasil).

Então na pista “Austrália/Brasil” o som começa bem pra cima, na linha maximal (de forma geral), com Galaxy IV e Muscles. Aliás, Chris Copulos, o tal Muscles, é da turma moderninha australiana bem ligada com sonoridades maximalistas que de 2007 pra cá tem encontrado espaço entre os new club kids ao redor do mundo. Um exemplo brasileiro é a festa Crew, de onde sairam Database e Roots Rock Revolution, que agora assinam juntos como Galaxy IV. Mudando de ares, entra a banda Golden Filter que lançou neste ano o excelente álbum “Voluspa”. As músicas são cheias de climas, mas com uma boa levada pra pista. Que prossegue com um dançante set do produtor Tim Poulton, que costuma fazer mashups misturando hip hop principalmente. Jack Glass e Chris Stracey acabaram de lançar o primeiro álbum do projeto Bag Raiders e o som vem com sotaque afrancesado na linha Daft Punk e Justice combinados. A banda Van She é um dos convidados mais conhecidos por aqui e seguem com uma pegada rock eletrônico. E o que será que o Renato Ratier vai tocar no final disso tudo?

Van She

Muscles

Golden Filter

Tim Poulton aka DJ MIT

Holy Ghost!

Na outra pista do Smirnoff Exchange o minimal techno deve embalar os mais cabeçudos. Quem abre a noite aqui é César Alvarenga com seu projeto solo Kuba Stepp, que já lançou duas co-produções com Daniel Marques pelo selo santista Lo-Kik, o que me parece que deve seguir na linha electro/minimal. Depois tem o sul-africano Culoe de Song com uma macumba minimalista que combina com os sons inteligentes e dançantes da dupla Holy Ghost e do produtor Superpitcher. Ambos enveredam por novos caminhos que remisturam pop rock retrô, electro, nu disco e minimal techno em seus trabalhos. O disco novo do Superpitcher, “Kilimanjaro”, é muito bom e faz o minimal “estilo Kompakt” flertar com disco music. Os holy ghosts Alex Frankel e Nicholas Millhiser são da linhagem DFA novaiorquina e fazem belas canções, como as dos três EPs lançados nesse ano – “Static on the Wire”, “Say my Name” e “Hold On / On Board”. Esse final deve ser o grande momento do festival da vódega. Cheers!

Superpitcher

Holy Ghost!

Culoe de Song

Kuba Stepp

Pista 1

22h00 – Coy Freitas (Brasil) 

00h00 – Galaxy IV (Brasil)

00h35 – Muscles (Austrália)

01h40 – Golden Filter (EUA)

02h40 – Tim Poulton (Austrália)

03h00 – Bag Raiders (Austrália)

04h20 – Van She (Austrália)

05h20 – Renato Ratier (Brasil)

PISTA 2

00h00 – Kuba Stepp (Brasil)

01h35 – Culoe De Song (África do Sul)

02h40 – Holy Ghost! (EUA)

04h30 – Superpitcher (Alemanha)

 

Vai de táxi – Gostei do apoio do festival para pagar parte da viagem de táxi pra quem vai até a longínqua Vila Leopoldina, perto da Ceagesp, na zona oeste. Quem conseguir ligar e marcar o táxi, isto é, se você conseguir entrar nos 5mil km pagos pelo patrocinador, vai ganhar 10km pagos pelo festival. Por exemplo, da Avenida Paulista até o local da festa dá cerca de 15km, então quem pegar nesse ponto vai pagar apenas 5km da viagem. E vale pra ida e volta! Liga pra 3035-0404 a partir das 20h e fala “Smirnoff be there”.

*      *      *

Naaaaa D-EDGE

Ainda não consegui ir ao D-Edge ver a tão aguardada nova ala do club. Todo mundo elogiou e as fotos mostram três espaços bem bacanas e modernosos. Lembro que os planos começaram em 2006, eu já trabalhava no club desde 2004. No começo de 2007, por ocasião do lançamento do CD “Brazilian Gigolo” com a presença do DJ Hell, Renato Ratier deu entrevista à Ilustrada anunciando a obra, que só agora no fim de 2010 abre as portas. Parabéns a todo o staff do D-Edge!

Anúncios

4 Comentários

Arquivado em Entretenimento, festival

kiriDJinha 6 – renato ratier

1 comentário

Arquivado em club, Música

fuck the beach

Temporadinha de feriado no Rio. Quinta conheci Búzios – uma cidade calma e a praia de Geribá é muito linda. Ontem (sexta) de noite, cheguei no Rio e fui no club Fosfobox – o soundsystem tava meio ruim, mas estavam muitos amigos queridos. Fazia uns dois anos que não vinha ao Rio! Hoje, sábado, toquei na rádio online do Peri – Cocoon – em edição especial “kiriDJinha”. Acho que vou conhecer o bar GIG logo mais e amanhã cedo acompanho DJ Atum na Fuck the Beach, ele toca às 9 da manhã!!! Reiviiiiii!!!!

Está acertada a volta da kiriDJinha!!! A sexta edição da festa acontecerá no novo clubinho do centro do São Paulo, o Alberta #3. O convidado especial é Renato Ratier (que dispensa apresentações, mas pra quem não sabe, ele é dono do D-Edge e um excelente DJ, além de kiriDJinho meu e do Atum. Terça 15/6 a partir das 22h30, na Avenida São Luiz quase esquina com a Rua da Consolação.

Deixe um comentário

Arquivado em club, internet, Música

ainda navegando na moda

Este texto foi postado originalmente no site do Brazil Fashion Cruise, com fotos de Vladi Fernandes.

Fashion Cruise 2010 – uma semana de moda a bordo de um transatlântico

Caroline Bittencourt e Samuel Cirnansck (ao fundo) assistem desfile na piscina

A top model Caroline Bittencourt (na foto ao lado) abriu o 2˚ Brazil Fashion Cruise na noite de sábado (30/1). Com o teatro do navio MSC Orchestra lotado, Caroline falou sobre o concurso Top Fashion Cruise que selecionou as 20 modelos que desfilaram nesse cruzeiro. O concurso é promovido pela Dreamakers e Ten Model e deu à vencedora prêmios como um beauty day no salão Jacques Janine, uma joia, roupas das grifes participantes, a capa da revista Drops e, é claro, um contrato com a Ten Model. O primeiro desfile foi da marca mineira Drosófila no sábado mesmo, após a apresentação de Caroline.

Paola veste look da grife mineira Drosófila

A estilista mineira Dayse Soares trouxe para o 2˚ Brazil Fashion Cruise sua grife Drosófila.  A coleção apresentada é a deste verão 2010, que traz comprimentos mini e inspirações no guarda-roupa masculino, construindo looks com base na alfaiataria e no pijama. Laranjas e azuis foram os focos entre tons neutros, em tecidos acetinados ou de aspecto opaco, com listras e xadrezes. Acessórios multiétnicos dão o charme descontraído e chique.

Desfile da AMP na piscina do navio

Desfile da AMP na piscina do navio

A marca paulista AMP – A Mulher do Padre ferveu no final da manhã de domingo (31/1) à beira da piscina. Ao fundo da passarela estava o grafiteiro Flip, um dos mais talentosos do país, pintando um grande mural. As modelos desfilaram pelo deck da piscina usando mini-vestidos em tons pasteis, com estampas minimalistas e volumes. O universo jovem da AMP é calcado na street wear. O DJ Mimi fez a trilha sonora do fashion show com house music.

Moda praia 2010 do Clube Bossa

O sol levou muita gente para as piscinas do MSC Orchestra na segunda-feira (1/2), mas o pessoal do Fashion Cruise trabalhou duro para deixar tudo pronto para o terceiro desfile a bordo. Foi a vez da moda praia da sofisticada marca Clube Bossa. O estilista Guilherme Vieira apresentou a coleção de verão da grife Clube Bossa na piscina no final da tarde. Maiôs tomara-que-caia e de um ombro só, maiôs meia taça, tops, túnicas longas e kaftans fluídos compõem a coleção. A cartela de cores tem tons pasteis e traz o nude como destaque. Enquanto as modelos desfilavam, o DJ Renato Ratier fez a trilha sonora baseada em house music. A segunda-feira terminou com festança do selo Puzzle Records dos DJs Mimi e Mr. Gil na discoteca do navio até o amanhecer.

Ao meio-dia da terça-feira (2/2), dia de Iemanjá, o cruzeiro chegou em Maceió, capital de Alagoas. Durante a manhã o estilista Samuel Cirnansck fez prova de roupas com as modelos e deixou tudo pronto para o desfile que aconteceria na quinta-feira. Como não teve desfile na terça-feira muita gente foi curtir as praias de Maceió, com direito a passeio de jangada. À noite, o som foi comandado pelo trio De Polainas – Adriana Recchi, Ana Flávia e Marina Dias. Muito rock e pop animaram a noitada na boate R32, no 14˚ andar do navio. O VJ Daniel Zanardi produziu as imagens que eram projetadas nas 40 telas de plasma espalhadas pelo club.

A moda sexy e burlesca de Thaís Gusmão

Depois de passearmos pela bela Salvador na quarta-feira (3/2), conferimos o desfile de Thaís Gusmão, que mostrou muita sensualidade com biquínis e lingeries especiais, tudo em tom burlesco. O trio De Polainas fez a trilha e vestiu modelitos de Thaís. Logo depois, Pil Marques fez a festa com uma edição especial do Hell’s Club a bordo do navio MSC Orchestra. Todo mundo de preto e vermelho usando chifrinhos luminosos e outros brinquedos que lembraram Halloween.

Ensaio do desfile de Samuel Cirnansck

Navegando a quinta-feira (4/2) inteira, rumo a Búzios, aconteceu a finalíssima do concurso Top Fashion Cruise logo após o desfile da grife Samuel Cirnansck. A vencedora foi a bela mineira Paola Elisa, que recebeu o prêmio após o badalado desfile de Samuel no grande teatro do navio. Paola vai estrelar o ensaio de capa da próxima revista Drops ao lado da top model Caroline Bittencourt. O ensaio foi clicado num resort de luxo em Búzios. Você pode vê-las nas iamgens acima dos desfiles de Clube Bossa e AMP. A festa D-Edge Night finalizou o penúltimo dia do Fashion Cruise com os DJs Renato Ratier, Pil Marques e Mr Gil se revezando na cabine de som da disco R32. A atmosfera do club D-Edge invadiu o navio!

Juliana Knust para Ecko Red

A tarde ensolarada e quente de sexta-feira (5/1) em Búzios marcou o desfile da grife Ecko Red, que levou a atriz global Juliana Knust para a passarela à beira da piscina. A trilha sonora ficou a cargo do trio De Polainas e as modelos desfilaram uma linha básica, incluindo jeans, camisetas, polos e vestidos. Os grafiteiros Tinho e Flip pintaram um mural especial enquanto rolava o desfile. Depois a festa continuou com a house music de Mimi e Mr. Gil no deck da piscina, e à noite os DJs Trusty e Bunnys e o projeto Violive movimentaram a discoteca.

No sábado (6/2) pela manhã, o Fashion Cruise desembarcou em Santos em clima de trabalho cumprido, com toda a equipe e convidados comemorando o sucesso da segunda edição. Em 2011 o Brazil Fashion Cruise promete surpresas e muito mais badalação, moda, música e arte pelos mares do Sul.

1 comentário

Arquivado em club, Música, Moda

fashion cruise

Daqui a pouco, nesse fim de tarde de sábado, comaeça minha viagem a bordo do transatlântico MSC Orchestra onde acontece o 2˚ Brazil Fashion Cruise. Desfiles, festas, street art e muita badalação em uma semana, saindo de Santos e passando por Ilhésu, Maceió, Salvador e Búzios. As grifes que desfilam aqui são Ecko Red, Samuel Cirnansck, Thaís Gusmão, Drosófila, Clube Bossa e AMP. Os DJs presentes são Renato Ratier, Pil Marques, Mimi, Mr. Gil, Bunnys e o grupo De Polainas – Marina Dias, Ana Flávia e Adriana Recchi.

Você pode acompanhar a viagem pelo Facebook e no blog do evento. E sempre que der e tiver novidades volto aqui para algumas linhas.

E anotem na agenda que no dia 23/2 faço uma festinha com Atum no bar Volt, nosso convidado é Mau Mau tocando o que ouve em casa. Vai ferver! No dia 27/2, Atum e eu voltamos a nos apresentar na Discotexx, no Astronete. Não percam!!!

1 comentário

Arquivado em Música, Moda