Arquivo da tag: verbo

mostra de performance verbo

Notei que muita gente anda procurando informações no +1TEKO sobre a mostra anual de performance Verbo, realizada pela galeria Vermelho, aqui de São Paulo. Então fui atrás e descobri algumas coisinhas no site da galeria. Já adianto que as inscrições aconteceram no início do ano, então agora tem de relaxar e ir curtir os trabalhos dos artistas. Guarde sua performance pra 2011. A sexta edição da Verbo será entre 26 e 31 de julho e vai se estender além da Vermelho, com oficinas, laboratórios e palestras no Centro Cultural São Paulo e na Funarte.

O press release da Verbo diz que foram inscritos 200 projetos e 11 foram selecionados para a próxima edição. Além destes, foram convidados 16 projetos que na verdade são, na maioria, artistas da galeria Vermelho, o que interessa diretamente à diretoria da mesma já que a mostra tem um grande número de espectadores, muitos deles acadêmicos e críticos de arte. Destaco alguns nomes que foram selecionados: Cris Bierrenbach, Maurício Ianês e o Grupo Empreza, todos brasileiros. Entre os artistas selecionados, tem muitos brasileiros e gente do Canadá e de diversos países da Europa.

As performances acontecem na galeria Vermelho em diversos horários, mas a programação externa à galeria é muito boa. No CCSP vão rolar performances e três mesas de discussão: identidade/sexualidade, feminino e feminismo; o rastro/telepresença, locução e poesia; o labor/o cotidiano, o jogo e desempenho dentro da performance atual. Inscrições gratuitas, mas não informam como e quando se inscrever. Fique atento!!! Também lá acontece o laboratório de escrita sobre performance. Durante seis dias, o laboratório abordará questões atuais sobre a performance e vai incitar os participantes a produzir textos críticos nesta área. Os participantes serão selecionados a partir do envio de currículo, carta de intenção e texto inédito de no máximo duas laudas. Também não há informações sobre como e quando se inscrever para esse laboratório.

A abertura da Verbo 2010 acontecerá dia 26 de julho na Funarte, nos Campos Elísios, centro da cidade. O debate inicial será sobre a institucionalização da perfomance. Outras três oficinas gratuitas também rolam na Funarte e serão ministradas pelo canadense Richard Martel, pela alemã Nathalie Fari e pelo goiano Grupo Empreza.

P.S.: Em 2007 participei da videoperformance ‘Saindo do Armário’ do Ricardo Oliveros. Ele juntou ao trabalho Silvia Hayashi, DJ Atum e eu na parte técnica e transmitimos pela internet a loucurama de Ricardo vestir vários figurinos diferentes ditados pelos espectadores e dançar no pátio da galeria Vermelho. Dá pra ver os vídeos dessa ação aqui no blog que fizemos especialmente para a ocasião.

Anúncios

1 comentário

Arquivado em artes plásticas, performance