come back

Voltei pra São Paulo! Fiquei 13 dias em Santa Catarina rodando o documentário “À Luz de Schwanke”, do qual já falei aqui nesse blog. Foram dias quentes e abafados, chuvosos ou ensolarados. A maior parte do tempo estive em Florianópolis, mas gravei durante 4 dias em Joinville e 1 dia em Curitiba. Amanhã, quinta, eu e Maurício Venturi, co-diretor desse filme, gravaremos com os críticos de arte Agnaldo Farias e Fábio de Magalhães aqui na cidade. A produção tá intensa. Próxima parada – o roteiro! Descobrimos entrevistas de rádio e outros textos do Schwanke pra  incrmentar a história toda.

No meio da correria passei no blog do Dus Infernus do Vitor Angelo e adorei essa história das roupas que se desmancham no ar. Adeus, Brastemp! Adeus, Omo!

E os 7.645 diamantes  da tal L´Wren Scott, namorado do Mike Jagger? O Ricardo Oliveros fala disso lá no Fora de Moda. Mas, que nome é esse? Quem é ela?

 capa-kevin-gorman.jpg

Então eu tive que prestar beeeeeeemmmm atenção nesse disco do Kevin Gorman pra resenhar pra DJ Mag. Chemestry Lock saiu no fim do ano passado pelo selo International Deejay Gigolo. O cara tá bem com ar de novo queridinho do DJ Hell. O techno que o inglês de Manchester faz é ao mesmo tempo retrô e experimental. Xícaras de grooves de Detroit 1990 + pitadas de energia ruidosa de electro + colheradas de locurinha = encosta-um-pouco-o-minimal-ali-e-vem-dançar! Mas que fique claro que essa receita dá certo nas faixas “Repeat Rocks”, “Voxbox”, “DMX Remake” e “Build on Sam”. O resto é exercício não bem-sucedido. Este é o primeiro álbum de Gorman, que já lançou oito EPs.

Mas eu vi no site Discogs que Robert Babicz – que toca sábado (1/3) no D-Edge e é um reconhecido produtor – masterizou o EP Saucy Kant (Plot Records, Portugal, 2007) de Kevin Gorman. Ele é uma espécie de agitador da eletrônica em Manchester, onde tem o selo Mikrowave e só toca com software original em laptop usando interface MIDI. Confesso que não entendo nada disso, mas adorei as 4 faixas que citei à cima.  

Anúncios

4 Comentários

Arquivado em club, Música, sem categoria

4 Respostas para “come back

  1. Ricardo Oliveros

    Para os brazucas a L´Wren é uma sósia da Luciana Gimenez, só que na versão GG, ela tem 1,93!!! Já foi modelo, stylist da Donna Karan e Calvin Klein e hoje é estilista e vende na Barney’s de NY…

  2. Ricardo Oliveros

    Ah! E volto para Balneário Camboriú semana que vem, acredita????

  3. nanda

    Ivi, que bom que voltou. A dupla Mau e Kátia estão aqui é?
    Até quando ficarão? Vamos encontrar…um sushi. Vou ligar depois.
    bjs

  4. Pingback: precipitação « +1 teku

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s