Arquivo da categoria: web radio

glocal – “fancy romance” – unreleased

Na terça à noite, véspera de feriado, Lennox e Dani acabaram apostando todas as fichas numa home studio section. O resultado é a faixa “Fancy Romance”, que não tem destino certo. Ainda! Ao meu ver, essa faixa mostra que a dupla está cada vez mais afiada nas produções musicais. Buscam referências em diversas fontes – disco, soul, house, funk… Ainda falta um elemento mais techno/electro… Sei lá! Viagem minha! “Fancy Romance” está mesmo muito boa! Ouçam! Dancem!

Na semana que vem, eles são os convidados na festa kiriDJinha 5, lá no Volt. Apareçam!

1 comentário

Arquivado em lançamento, Música, web radio

uma semana depois…

No sábado cheguei em Santos, foi o fim do Brazil Fashion Cruise. A viagem foi incrível e todo mundo que esteve a bordo dessa segunda edição do BFC se divertiu muito. Preciso postar minhas fotos no Flckr, depois mando o link. E nesse meio tempo, estreei na sessão Mixtape no blog DeepBeep. Minhas lista de 10 músicas que ando ouvindo atualmente está lá e adorei ser chamado pra estrear uma sessão desse blog que eu adoro desde que entrou no ar com os melhores sets de talentosos DJs daqui de São Paulo, do Brasil e do mundo.

O db virou uma das melhores referências para conhecer nomes que muitas vezes estão num “segundo escalão”, mas que merecem o espaço democrático, underground e cool do db. Por trás do blog, que concorre a melhor blog na segunda edição votação Best Brasil 2010 da DJ Mag, estão Lísias Paiva e Thiago Ribeiro. Os caras se viram, percorrem as noitadas da cidade e se embrenham entre os DJs e produtores que estiverem por perto. Eles sempre surpreendem a cada post com sets inspirados de seus convidados, que como disse antes, vão desde unanimidades nacionais até gente bacana que começa a despontar. Mas faça o seguinte, linka no db e deixa o som rolar.

E sobre o Best Brasil desse ano, que ainda está rolando a votação no link que dei acima, também gostei dos nomes que aparecem nas diversas categorias. Parece que finalmente o pessoal está atento aos novos nomes e à evolução da cena e do mercado eletrônico, deixando alguns queridos amigos na categoria hors concours.

Deixe um comentário

Arquivado em internet, jornalismo, Música, web radio

free emotional internet radio

stereomood - emotional internet radio

Estava dando uma zapeado nos blogs e li a notícia sobre o Stereomood no Factóide (link na coluna ao lado). O tal blog milanês é uma “free emotional internet radio” onde você clica numa palavra e é gerada uma lista de músicas pra ouvir na hora. As palavras clicáveis estão numa nuvem de opções e vão desde sentimentos e emoções – romantic, dreamy, calm, energetic, high etc. etc. – até trivialidades como ‘dinner with friends’, ‘berlin calling’, ‘beach party’, ‘sunny day’ ou ‘make love’ entre outras. As perguntas requeridas antes de escolher são”how do I feel?” (como me sinto?) e “what am I doing now?” (o que estou fazendo agora?). E se não gostar das listas ou quiser inventar um mood diferente, é só se cadastrar e seguir os passos como explica o faq do Stereomood. Boa diversão! Obrigado pela dica, Factóide!

Deixe um comentário

Arquivado em internet, Música, web radio

holger zilske – ‘holz’ – playhouse

Depois de lançar inúmeros EPs e tracks e remixar muita gente, Holger Zilske lançou em maio/junho seu primeiro álbum, Holz, pelo prestigiado selo Playhouse. Ele chegou em São Paulo nessa segunda (12/10) depois de tocar pelos Estados Unidos, Canadá e Porto Rico, em DJ sets e apresentações ao vivo em cima deste último trabalho, bastante elogiado pela crítica, como o review do site Resident Advisor. O projeto Smash TV está parado enquanto Holger roda o planeta divulgando Holz, e nós poderemos conferir tudo – com faixas novíssimas inclusive – no sábado (17/10) no clube D-Edge.

Holz vai para a deep house/microhouse com belos e singelos momentos. Nada de tecnêra pesada ou de minimalismo puro, mas também não pense que dá pra correr pra pista de dança. Aliás, Holger me disse há pouco que no fim do ano saem dois vinis com remixes de faixas do disco. Já estão certos remixes de Kiki, Rodriguez Jr., Dave DK e Claude Vonstroke entre outros (que conto depois porque esqueci mesmo…). Só pra lembrar, Holger é o produtor por trás dos álbuns Stadtkind, Berlinette e Thrills da top DJ Ellen Allien, que se apresenta no Brasil em novembro. Ele lança pelos selos BPitch Control, PlayHouse e Leena (subselo do Mobilee da DJ Anja Schneider).

holger_zilske-holz

Quem quiser conferir um DJ set de Holger Zilske pode sintonizar na web radio Drop Kick na quarta-feira (14/10), com transmissão ao vivo, claro! No ano passado Holger tocou no D-Edge pela segunda vez e eu o entrevistei para a D-Edge TV que dá pra conferir com um click aqui.

Holger no Myspace

holger

4 Comentários

Arquivado em club, lançamento, Música, web radio

nas ondas do rádio digital

Hoje – quarta-feira 23 de setembro – a partir das 20h os super DJs Mau Mau, Oscar Bueno e Anderson Noise são os convidados do programa Drop Kick comandado pela dupla Lennox & Dani, aka Glocal. Matéria sobre como essa rádio digital começou há um ano, e já reuniu grandes nomes da eletrônica, está na revista Mixmag #1 (edição brasileira que está estourando nas bancas).

090923_flyer

Deixe um comentário

Arquivado em Música, web radio

acelera dj!

E não é que estou bookado pra tocar hoje na festa On the Rocks, no D-Edge? Eu e Atum abrimos a noite, a partir da meia-noite, com novidades de rock algumas poucas velharias. Rock novo, né? E na semana que vem tem mais: farei um set de discos de novelas na web radio Chaosmopolitan na quarta-feira 13 a partir das 20h.

on-the-rocks-maio

1 comentário

Arquivado em club, web radio

rio music conference

O texto a seguir está publicado originalmente no site Skolbeats e é um rápido resumo do que rolou na primeira Rio Music Conference na quarta 18 e quinta 19. Acompanhei as palestras principalmente e troquei muitas ideias com os muitos amigos jornalistas, DJs, produtores e promoters que passaram pela Marina da Glória.

eu-e-meme

Eu e Memê (Memê e eu) em papo sério na RMC. Foto: Dudu Llerena

O calor e a praia são mais que atrativos no Rio de Janeiro, são um verdadeiro convite ao descanso à beira-mar com direito a muita badalação. Mas esses dias ensolarados que antecedem o carnaval levaram muita gente à Marina da Glória para conferir a primeira edição da Rio Music Conference. Na verdade o público não foi o esperado, mas o entusiasmo e a seriedade com que foram tratados diversos temas relacionados a música eletrônica demonstram que o evento tem fôlego.

As workshops foram super disputadas, mas careceram de mais tempo para desenvolver os temas de forma adequada e sem atropelos. Os DJs e produtores Marky, Gui Boratto, Memê e Pachú mostraram diversas técnicas de produção musical e discotecagem para plateias atentas. Os VJs Speto e Joele Lasher contaram um pouco da história da projeção visual em festas, que começou nos anos 1960. O pouco tempo fez a dupla acelerar as explicações sobre a febre dos VJs a partir dos anos 1990 e as novas tecnologias e modalidades de projeção atuais, como o live cinema que já tem vários adeptos no Brasil. Outra workshop concorrida foi o painel Ableton com o francês Amaury Groc. Ele mostrou alguns plug ins novos que facilitam a vida dos produtores na hora de compor suas tracks e explicou rapidamente alguns recursos desse software que é um dos mais usados atualmente no mundo.

A área de convivência da RMC foi muito bem projetada, com vários pufes, bares e stands de produtos, além de um palco onde os DJs se revezavam desde o fim da tarde até o final do evento, por volta de 23h. O palco teve o comando do radialista e DJ José Roberto Mahr, um dos caras que mais influenciou e educou DJs e aficcionados por música pop nos anos 1980 e 1990 através do programa Novas Tendências. Zé Roberto também aproveitou o espaço para entrevistar os DJs, que eram de diversos estilos. Entre os destaques: Renato Lopes, Breno Ung, Ana Paula, Renato Bastos, Vivi Seixas, André X, Du Serena e Nepal. Zé Roberto é do tipo sempre antenado e no meio do trabalho recebia torpedos de amigos contando novidades, como alguém que mandou uma mensagem dizendo que o disco novo do U2 havia vazado (alguém já conseguiu baixar?). “Pena que não é o novo do Depeche Mode, né?”, arrematou o DJ.

O top DJ inglês Pete Tong disse na palestra sobre novas tendências musicais que a melhor mídia para divulgar um novo DJ, ou qualquer coisa realmente boa, é o boca-a-boca. Ele contou que foi assim no início das raves e do clubbing inglês no fim dos anos 1980, que ninguém precisou realmente do respaldo da mídia tradicional para se dar bem.

As palestras polarizaram temas como o mercado da música eletrônica, o futuro da venda de música na revolução digital e a força da eletrônica na publicidade e nos investimentos culturais. Discussões acaloradas, divergências de opiniões e a participação do público mostraram que tem muita coisa ainda pela frente. Enquanto o mercado musical europeu está estabelecido, aqui no Brasil pode e deve crescer muito nos próximos anos, como constaram os palestras estrangeiros.

Não só nas palestras mas também nas conversas informais pelos corredores da Rio Music Conference falou-se bastante sobre: novos projetos dos clubes para enfrentar a crise, a agilidade que as agências de DJs precisam ter para mostrar as new faces dos toca-discos, ações sociais, mídias alternativas e o futuro da própria RMC. Um dos mais curiosos era o editor da DJ Mag inglesa Ben Murphy que estava super interessado em saber que tipo de música os brsileiros realmente curtem nas baladas. Ele ficou impressionado com a quantidade de diferentes núcleos, do techno a house, passando pelo minimal, progressive, dubstep, funk carioca, hip hop e muitos outros.

Muita gente também parou para saber mais sobre as ações sociais das festas do núcleo No Limits, como Tribe e Xxxperience. Com dinheiro arrecadado nas festas Tribe, por exemplo, foi construído um consultório odontológico para crianças carentes de Sorocaba (SP).

Entre as novidades na internet estavam o site Awdio.com que transmite ao vivo de mais de cem clubes ao redor do mundo, inclusive do D-Edge (SP), Dama de Ferro (Rio), Pacha (SP), Confraria das Artes (Floripa) e Kraft (Campinas). A web radio Chaosmopolitan.com também é novidade no mundo digital brazuca e transmite os programas Drop-Kick (SP) e Request (RJ) com grandes e novos talentos das picapes.

E entre as conversinhas, [aqui vai um furo!] a melhor noticia é que a fábrica de discos de vinil na Baixada Fluminense vai reabrir em breve! Vinil é cult, como disse o DJ Nepal.

Depois de tanto bate-papo cabeça o povo agora só pensa em cair na balada. A partir de hoje, sexta-feira, rola o carnaval eletrônico da Rio Music Conference com os top DJs David Guetta (sexta), Pete Tong e Gui Boratto (sábado), Sven Väth (domingo e com ingressos esgotados!), Armin van Buuren (segunda) e Erick Morillo (terça). Agora é muito confete e serpentina! Mas no ano que vem tem mais Rio Music Conference.

1 comentário

Arquivado em club, internet, Música, mercado, sem categoria, web radio